Atletas da Fé

histórias de milagres

Patrícia

         Viajando por este país continental, tive a oportunidade de ver, ouvir e sentir muitas maravilhas da obra de Deus. Fatos, ações, atitudes e grandes milagres presenciei serem operados pelo Espírito Santo.

          Em Recife, capital do estado de Pernambuco, conheci uma jovem por nome Patrícia, cuja história do milagre de sua entrega a Jesus, ocorreu de acordo com o que passo a narrar:

          Fui convidado para pregar em um sábado na igreja de um bairro da grande Recife, chamado “Brasília Teimosa”. Neste dia, a congregação estava lotada e aproveitei para contar o testemunho de minha conversão e, como é meu costume, encerrei a mensagem com um apelo para que as pessoas presentes que não fazem parte de nossa fé, aceitem a Jesus como salvador pessoal e se unam conosco em adoração na Igreja Adventista do Sétima Dia. Pedi que viessem a frente a fim de colocarem seus nomes em meu livro de oração intitulado “Livro de Registro de Candidatos ao Reino Celestial”.

          Neste dia, um grande número dos que estavam na igreja e que ainda não eram batizados, assinaram este livro. Despedi a todos com uma oração de consagração e fui embora para o alojamento na Base Aérea do Recife. Ao chegar lá, resolvi dar uma observada nos nomes dos novos candidatos e fazer uma outra oração por suas vidas. Fiquei surpreso quando vi ao lado do nome de uma pessoa chamada Patrícia, um número de telefone.

          Curioso em ver este telefone, pois era a primeira vez que alguém tomava esta iniciativa, resolvi discar para saber qual a razão dele ter sido escrito na agenda de candidatos. Do outro lado da linha atendeu uma moça que me parecia muito jovem. Quando lhe perguntei a razão dela ter colocado seu telefone ao lado do nome, esta informou que impressionou-se com o meu testemunho sobre a Igreja Adventista e fez isso na intenção de que eu percebesse e entrasse em contato. Disse que já tinha um bom conhecimento da Bíblia, mas pouco a respeito da Igreja Adventista. 

          Ainda por telefone ela me informou que se eu fosse até a sua casa e conseguisse lhe tirar algumas dúvidas sobre as nossas doutrinas e sobre a igreja, ela tomaria a decisão pelo batismo. Senti neste momento o toque do Espírito Santo naquela alma e, imediatamente, segui para a sua residência. 

          Quando cheguei no bairro Brasília Teimosa, em uma casa humilde e acolhedora, fui recebido pela Patrícia, sua mãe e seu filhinho. Cantamos, oramos e, abrindo as Escrituras Sagradas, expliquei-lhe todo o plano de Deus para sua salvação e redenção eterna. Enquanto lhe ministrava este estudo, encaixei a história da formação, missão e a razão porque devemos fazer parte da Igreja Adventista aqui na Terra. 

          Depois de ter passado muitas horas a esclarecer qual o caminho para a vida eterna àquela jovem, dando-lhe um estudo intensivo, esta, emocionada, disse que não tinha mais dúvidas, que as explicações lhe convencera e que poderia comunicar ao pastor a decisão do seu batismo.  Oramos e deixei aquela casa maravilhado com a misericórdia de Deus em resgatar uma ovelha perdida. 

          No dia seguinte, comuniquei o caso ao pastor e pedi que fosse visitar a candidata. Somente nesta visita é que a Patrícia informou que não estava legalmente casada. Assim sendo, o pastor disse que não poderia batizá-la enquanto ela estivesse nesta situação. 

          Recebi um telefonema da Patrícia em que ela me relatou de sua tristeza em não poder se batizar, pois, quando contou ao seu companheiro das suas intenções de se tornar evangélica, este disse que jamais se casaria com ela a fim de impedi-la de celebrar este ato. Pedi que ela se acalmasse e que durante esta semana eu e os membros da igreja de Brasília Teimosa iríamos orar para que Deus pudesse mudar este quadro caso fosse de sua vontade. 

          Na semana seguinte, o Sol da Justiça brilhou na vida da Patrícia, pois esta não só foi batizada, em uma linda tarde de sábado, como também seu esposo, que oficializou sua relação com ela, disse que iria fazer estudos bíblicos a fim de preparar-se para o próximo batismo.

          Assim, contemplamos mais esta vez a beleza da santidade e infinita misericórdia do nosso amado Deus.

A Ele, portanto, toda honra e glória pelos séculos dos séculos. Amém

Open chat